O diário da Inês

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Passatempo 4 anos do blogue O diário da Inês

Como o tempo passa a correr, parece que ainda ontem estava a ir para Inglaterra e a criar o blogue para contar as aventuras e desventuras, como já se passaram 4 anos. Entretanto a primeira temática do blogue deixou de existir a ajustei aos meus gostos, ou seja comidas feitas por mim, pela minha mãe, passeios, restaurantes que conheço e mais o que me apetecer ou não fosse este o meu diário! 
Para comemorar estes 4 anos de vida do blogue e agradecer a vossa presença ai desse lado vou sortear um  livro da Marisa Valadas o "À Descoberta de Novos Sabores". Este é um livro bem interessante, recheado de boas receitas e do qual eu já fiz uma receita inspirada numa lá publicada, podem ver aqui
Dou-vos a certeza absoluta de que é um livro que vão querer ter. Assim, para se habilitarem a ganhar o livro basta seguir as condições de participação descritas no passatempo.

Participem aqui e boa sorte a todos :)



sábado, 17 de setembro de 2016

Hoje quem faz anos sou eu :)

Pois é, mais uma aninho que passou e hoje é o meu aniversário!
Este ano não há bolo pois estou a meio de mudanças de casa, estou de volta ao Porto do meu coração.
Como tal e por esta mesma razão nos próximos tempos vou ter que me ausentar daqui do blogue e também das visitas aos vossos cantinhos. É que como imaginam mudar de casa ocupa o seu tempo e nestes primeiros dias também não terei net, quero tratar disso o mais rápido possível mas não sei quanto tempo ficarei sem net em casa.
De qualquer das formas e porque vocês são especiais no dia 21 de Setembro, dia do aniversário do blogue vai sair aqui uma surpresa para vocês que estão ai desse lado! :)



quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Comidas da mamã - Torta de frango

Hoje trago mais uma receita para gastar restos de frango assado ou outras carnes assadas que tenham sobrado. Podem também fazer do zero e usar atum ou outro peixe que gostem. Mas aqui em casa foi mesmo uma forma de gastar restos de frango assado. Esta receita é um empadão mas que é apresentado de forma diferente o que o torna perfeito para servirem restos até mesmo quando têm visitas! ;) 

Ingredientes:
  • 2 colheres de sopa de manteiga
  • 1 kg de batatas cozidas
  • 2 gemas
  • 1 colher de sopa de farinha
  • sal e pimenta q.b.
  • manteiga para untar
  • gema para pincelar

  • restos de frango
  • 1 cebola
  • 1 dente de alho 
  • linguiça
  • salsa
  • azeite
  • sumo de 1 limão
  • 1 colher de sopa de mostarda
  • pimenta q.b.
  • queijo ralado

Modo de preparação:
Num tacho colocar um fio de azeite, a cebola, o alho e a linguiça, tudo picado. Deixar cozinhar até a cebola ficar translúcida e juntar o frango desfiado, a salsa, a mostarda, o sumo do limão e temperar com pimenta. Deixar apurar de sabores. 

Cozer as batatas cortadas em pedaços em água com sal. Numa tigela colocar a manteiga, a farinha, a pimenta, as gemas e as batatas esmagadas ainda bem quentes. Amassar tudo muito bem. 
Sobre uma folha de papel vegetal barrada com manteiga, estenda a massa em formato de rectângulo e com uma espessura de mais ou menos 1 cm. Por cima coloque o recheio e o queijo ralado. Enrolar como uma torta e pincelar com gema de ovo. Levar ao forno até que esteja louro. 





terça-feira, 13 de setembro de 2016

O Alquimista

Fui a este restaurante por um acaso do destino pois o meu objectivo era ir a outro local que dizia estar aberto, mas que me fez bater com o nariz na porta. Depois dessa contrariedade lá fomos à procura de outro sitio aberto, o que a um domingo à noite em certas zonas pode ser complicado. Encontrámos este restaurante aberto e entrámos um pouco a medo devido à baixa pontuação dada na Zomato. 
Felizmente a experiência foi muito boa e das criticas que lhe são apontadas apenas sou obrigada a concordar com uma delas que é o preço um pouco elevado. De resto correu tudo muito bem, a menina que nos atendeu era muito simpática e preocupada. O próprio chef veio à mesa falar connosco e mostrar preocupação com o nosso bem estar. 
Ok, que a decoração não é arrojada como hoje parece ser moda na maioria dos espaços, mas é uma decoração normal, típica de antes das decorações da moda. É tudo bastante higiénico e a casa de banho estava impecavelmente limpa (coisa que aprecio muito em qualquer sitio a que vá).
Quanto à comida em si, as doses são generosas, o polvo estava super tenro, quase que se desfazia na boca. O bife também estava muito tenro, a faca até parecia que estava a cortar manteiga. A maminha era muito saborosa, mas infelizmente já não tão tenra como o bife. Tudo grelhado no ponto e a acompanhar com batatas fritas caseiras, o que muito aprecio. Outra particularidade que achei muito interessante foi o facto das batatas fritas virem sem sal. Depois trazem o saleiro e cada um tempera a seu gosto. Uma ideia que outros restaurantes deveriam adoptar, é que por vezes até se fica com os lábios a arder tal é o excesso de sal. As carnes para mim também estavam temperadas no ponto, o que para algumas pessoas pode significar que teriam pouco sal. 
Como as doses eram bem generosas e comemos entradas não fiquei com fome para comer sobremesa. Ao todo pagámos 16.30€/pessoa, o que não foi propriamente barato, mas foi este o restaurante que nos salvou num domingo à noite quando estava com um casal amigo que tem uma filha bebé!

Morada: Rua Mestre de Aviz, 7B, Oeiras, Lisboa




Sangria tinta

Entradas: pão e azeitonas

Entradas: queijo curado

Polvo à lagareiro

Bife de vaca grelhado com ovo estrelado e batata frita

Maminha grelhada com ananás grelhado e batata frita

O Alquimista Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato